11111111111111Freio de Ouro encerra com homenagem a ginete que correu machucado

Expointer 2020

Freio de Ouro encerra com homenagem a ginete que correu machucado

Data: domingo, 27 de setembro de 2020 - Hora: 21:46

Entre tantas imagens carregadas de emoção na final do Freio de Ouro 2020 talvez as mais impactantes tenham sido as de Daniel Teixeira, que classificou 13 cavalos para a competição e que, nas etapas finais, no sábado e no domingo, apareceu com um acessório estranho: gesso, imobilizando o braço direito. O ginete caiu em treinamento e em entrevista exclusiva ao Cosas de Campo, disse que seu esforço e insistência em ir até o final foi porque a raça merece.




"Não me perdoaria se não entrasse em pista para ver até meu limite mesmo", confessou.




E essa determinação, garra e profissionalismo de Teixeira foi premiada com o troféu do Ginete do Ano. 

Outro momento especial da final ficou por conta de Gabriel Marty, encerrando a última corrida da prova de paleteadas com o chapéu ao alto, comemorando o Freio de Ouro conquistado com o macho Colibri Matrero. 

E como não deixar de ressaltar a tripla conquista de Fábio Teixeira Silveira: Freio de Ouro com Balisa III do Itapororó, o Freio de Prata com Divindad 42 Bombeado e o outro Freio de Prata com Fantástico de São Pedro. Ele precisou de ajuda para levar todos os animais na premiação e garantiu: "Nem nos meus melhores sonhos imaginava isso!". 



Texto: Ieda Risco

Foto: Spolavori|Fotografias 

Apoio: Correaria Deponti, Cabanha Jobim, Terra de Cavalos, Spolavori Fotografias e Rádio Tertúlia




Venha e participe Conosco!
Deixe seu comentário,
Até a próxima.